quinta-feira, 11 de outubro de 2007

Gozando na cara da minha mãe dormindo ....

Meu nome é Lu tenho 26 anos e sou casada com Jef a 12 anos.Certa vez em uma de nossas transas após uma festa eu já bebinha confessei que gostaria de sentir uma dupla penetração, assim do nada.Aquilo deixou meu marido louco, mas depois a idéia foi amadurando no decorrer dos dias, e ele concordou desde que nós não o conhecesse, eu o chupasse de camisinha para não sentir o gosto do pau dele, não poderia gozar na boca e meu cu era do meu marido....bem fiquei meio frustrada, mas tive a certeza que teria outras vezes e aos poucos ele me liberaria para algo mais picante.Bem mas a história não é essa pois antes de acharmos a pessoa ele me disse que queria algo em troca também , então eu disse pode pedir e foi aí que meu mundo caiu.Ele disse que já tinha ouvido muitas histórias de que minha mãe de 54 anos nunca havia gozado e que ele se prontificaria a realiza-lá com a condição de que se ela gozasse teria que dar o rabo pra ele pois ele tinha muito tesão na bunda da minha mãe.Agora foi minha vez de amadurecer a idéia e depois de muito tempo achei que ela merecia então concordei.Ganhei meus dois paus nos meus dois buracos várias vezes foi maravilhoso não parava mais de gozar...bom voltemos à minha mãe pois agora teria que pagar pelo meu prazer.Bolamos altos planos para envolve-lá, tais como ela nos dar um flagra durante a transa, tocar no assunto mas não conseguíamos fazer ela se abrir para o assunto.(meus pais são separados há 19 anos).Então o Jef disse que daríamos sonífero pra ela e que pra ele tava bom, aceitei. Na data marcada fizemos um jantar com vinho e tudo mais, preparamos a bebida dela com o sonífero pra ela beber, nesse momento sentia uma enorme traição minha com ela, mas eu tinha que retribuir o premio ao Jef pelo prazer que ele me proporcionou.Ela bebeu tudo e logo adormeceu era chegada a hora.Mas o Jef queria aproveitar a única chance ao máximo então ele transou comigo primeiro pois não queria gozar rápido demais no cu da minha mãe.Quando ele estava pra gozar ele fez eu bater uma punheta e na hora do gozo ele me obrigou a segurar o pau dele mirando no rosto da minha mãe.Esquisito mas aquilo me deu tanto tesão, eu tava lavando o rosto da minha mãe com a porra dele, tava lambuzando tudo, sentia a porra passar pela minha mão com o pau pulsando, fui mirando no olho dela no nariz, esfregando o pau na boca dela tentando enfiar pra dentro.Ai o Jef me deu uma máquina fotográfica e disse pra eu tirar foto dela sem ele aparecer é claro, toda esporrada com o pau dele encostado na boca dela.Não concordei mas ele disse que assim nós poderíamos chantageá-lá e força-lá a transar com ele, acabei concordando mas disse que iria querer algo em troca e entrei no jogo dele, pois o ele pensou em tudo e naquela noite, ele me deu cocaína e meu tesão tava a flor da pele.Depois disso tiramos a roupa dela e tiramos fotos do cuzinho virgem dela pra comparar com iria ficar.Chupei mais um pouco meu marido e ele começou a penetrar o rabo da minha mãe, eu ajudei abrindo as bandas da bunda, cara dele era de puro desejo.Quando ele começou a bombar, comecei a tirar as fotos e de vez enquanto ele tirava todo o pau do rabo dela pra eu fotografar o buracão que já havia se formado no meio da bunda da minha mãe ele acelerou os movimentos e começou a chama-lá de puta, vadia que tinha um cu bem apertado e que ia arrancar todas as pregas e falou que tava enchendo o cu da minha mãe de porra, que tava gozando muito e bem no meio do rabo que tava um tesão, que foi a melhor gozada dele e enquanto ele gozava me pediu pra segurar de novo o pau e sentir o pau pulsando de felicidade dentro da bunda dela. Colocamos minha mãe na cama e fomos terminar a nossa noite, acabei dando meu cu pro Jef vestindo uma calcinha da minha mãe.No dia seguinte quase me entreguei pois ela disse que levantou com dor de barriga e quando ia ao banheiro seu anus doía muito, assim ela disse e que o rosto dela tava ressecado não sabia porque pois esquecemos de lava-lá (e que eu saiba minha mãe nunca provou esperma)., me deu um remorso, mas me consolei pois não tem coisa melhor que ter prazer e ela merecia.Depois de algum tempo usamos as fotos pra realizar o desejo de Jef, mas essa é uma outra história, beijos.amores...

2 comentários:

Bruno disse...

q doido.. mas quando quiser linda me chame .para participar da dupla penetração com vc. vou com o maior prazer.. meu msn: onurb.m@hotmail.com me add ai..

Anônimo disse...

Vc deveria era tomar vergonha na cara! Não se faz isso com a mãe da gente nao, e falta de respeito e ainda por cima um pecado cabeludo. Vai se confessar e peça perdão a Deus por esse desrespeito. Eu ein. Coisa horrorosa e repugnante. Deu nojo.